GLOSSÁRIO
 

GLOSSÁRIO

    A    B    C    D    E    F    G    H    I    J    K    L    M    N    O    P    Q    R    S    T    U    V    W    X    Y    Z  

 
Day Trade :
Operação em que um papel é comprado e vendido no mesmo dia.

Dealer :
Instituições financeiras autorizadas pelo BC a participar de leilões informais de câmbio e títulos públicos. São escolhidos entre os bancos mais activos no mercado e têm a responsabilidade de informar os demais bancos sobre o leilão, sob pena de descredenciamento.

Debenture :
Título de renda fixa emitido por empresas para captar recursos, investir ou pagar dívidas. Podem ser negociadas como se fossem acções. Alguns tipos podem ser convertidos em acções da empresa que a emitiu, depois de um prazo definido (normalmente superior a um ano).

Default :
Termo de origem francesa que significa não pagamento de uma dívida.

Deflação :
É o oposto de inflação, a queda no índice de preços. Mas nem sempre isso é bom. Com deflações sucessivas, um país mergulha em recessão porque há queda no consumo. As empresas, então, baixam seus preços para tentar reverter a situação. Se isso não ocorre, pode haver demissões e redução nos investimentos.

Delta :
Coeficiente que mede a sensibilidade do preço de uma opção em relação a uma variação de preços do seu activo subjacente.

Demonstrações financeiras :
Balanço da empresa no exercício (conjunto de demonstrativos financeiros - balanço patrimonial, demonstração de resultados do exercício-DRE, demonstração das origens e aplicações de fundos-DOAF, fluxo de caixa, balanço, relatório de gestão, parecer dos auditores independentes, entre outros).

Derivativos :
Operações feitas no mercado financeiro em que o valor das transacções deriva do comportamento futuro de outros mercados, como o de acções ou de juros, por exemplo. Há portanto, um alto risco nessas aplicações, uma vez que o grau de incerteza que envolve essas previsões é sempre muito alto. Mas também os ganhos podem ser exorbitantes.
Há três tipos de derivativos: futuros - que servem para proteger o investidor das flutuações nos preços normais - mercadorias negociadas pelo seu preço de entrega no futuro (dias, meses, anos). Opções - muito usada no mercado de commodities e mercado futuro de acções - contratos que reservam ao seu possuidor o direito de comprar ou vender mercadorias ou título em uma data futura e a um preço pré-determinado. Swaps - do inglês, troca, permuta - contrato que permite trocar em uma data futura pré-determinada, um investimento por outro. Dessa forma, é possível fazer um swap de acções por opções, por exemplo.

Défict :
Resultado de uma conta em que as despesas são sempre maiores que as receitas. Ou seja, sai mais dinheiro que entra. Quando há esse desequilíbrio nas contas públicas, dizemos que há um déficit público. Esse, pode ser déficit (público) primário - que não inclui gastos com juros das dívidas interna e externa - ou nominal - que leva em conta as despesas com juros das duas dívidas.

Dimensão do Agregado Familiar :
Número de pessoas que constituem o agregado familiar.

Disclosure :
Divulgação de informações por parte de uma empresa, possibilitando a tomada de decisão consciente pelo investidor e aumentando sua protecção.

Distribuição Normal :
É a distribuição de probabilidade mais usada em finanças para modelar retornos de activos financeiros. Também é conhecida como distribuição gaussiana em referência ao matemático alemão Carl F. Gauss ou ainda como Bell Curve (Curva do Sino) devido ao seu formato semelhante ao de um sino. Caracteriza-se por atribuir probabilidades elevadas aos intervalos numéricos em torno de sua média, evidenciando que experiências aleatórios regidos por sua lei geram observações extremas com pouco frequência. O seu tratamento analítico, evidenciada por ser perfeitamente descrita por apenas dois parâmetros, respectivamente, sua média e variância, somada à variedade de fenómenos naturais que se comportam segundo sua lei são factores determinantes de seu largo emprego em todos os campos do conhecimento.

Dividendos :
É uma parcela do lucro líquido da empresa, depois dos descontos do imposto de renda e contribuição social, dividido entre os accionistas. A lei 6.404 obriga as sociedades a distribuírem pelo menos 25% dos lucros - Valor pago, quase sempre em dinheiro, aos accionistas de uma empresa, quando reparte parte dos seus lucros. Isso acontece, em geral, uma vez por ano.

Dívida Externa :
Soma das dívidas de um país (resultante de financiamentos e empréstimos adquiridos no exterior) representada e garantida por títulos emitidos por esse país.

Documento Particular :
Modalidade que se contrapõe à escritura pública de compra e venda e pela qual o Banco se substitui ao notário. Este documento define os termos de contratação de um imóvel destinado a habitação com recurso a crédito.

Dow Jones :
Índice que mostra a variação das 30 acções mais negociadas na Bolsa de Nova York 76-Dumping Venda de produtos a preços inferiores ao valor gasto para produzi-los, com a finalidade de eliminar os concorrentes do mercado.

Duration (Macaulay Duration) :
Prazo do "zero coupon bond" equivalente à carteira, ou seja, prazo médio da carteira.

 
   
Home  ·  Mapa Site  ·  FAQs  ·  Glossário  ·  Legalidade  ·  Privacidade